Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2007

...

Para saber + Clincar na imagem

publicado por usmt às 12:44
link do post | favorito
|

Informação 28-02-2007

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo, CUSMT, reúne, esta quinta-feira, dia 1 de Março, com o Governador Civil de Santarém em Tomar.

publicado por usmt às 12:43
link do post | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Fevereiro de 2007

Pedidos de Reunião

Comissão de Utentes volta a pedir reuniões aos Centros de Saúde

 

Dada a circunstância de alguns Centros de Saúde terem desmarcado as reuniões que tinham sido agendadas, a Comissão de Utentes sugeriu, por escrito, aos respectivos Directores a marcação de novas datas. Estão em causa, os Centros de Saúde de Tomar, Entroncamento e Torres Novas.

 

...e também, ao Coordenador da Sub-região de Saúde de Santarém

 

Atendendo a que alguns problemas nos Centros de Saúde se vêm agravando à medida que o tempo passa, a Comissão pediu também uma reunião ao Coordenador da Sub-região de Saúde de Santarém, Dr. Fernando Afoito.  

publicado por usmt às 14:32
link do post | favorito
|

Audição Parlamentar sobre a Saúde

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo foi convidada a participar numa audição parlamentar sobre a saúde, promovida pelo Grupo Parlamentar do Partido Comunista Português.

 

Esta iniciativa, onde a Comissão estará presente, decorrerá no dia 27 de Fevereiro de 2007, a partir das 21 horas em Benavente.

publicado por usmt às 14:30
link do post | favorito
|
Sábado, 24 de Fevereiro de 2007

Reuniões com as Câmaras Municipais de Torres Novas e Alcanena

A Comissão de Utentes do Médio Tejo reuniu recentemente com autarcas de Torres Novas e Alcanena, com o objectivo de sensibilizar para a necessidade do seu empenho na resolução de alguns problemas que afectam a acessibilidade a cuidados de saúde.

 

Com o Presidente da Câmara Municipal de Torres Novas ênfase especial à falta de clínicos gerais nas Freguesias de Pedrógão, Ribeira, Meia Via e Riachos, salientando a necessidade de serem tomadas medidas urgentes e excepcionais para ultrapassar as dificuldades dos utentes da saúde daquelas freguesias. A Comissão fez, até, sugestões concretas para minorar os problemas resultantes da falta de transportes. Da parte da autarquia recebemos a garantia de que contactaria, pessoalmente, alguns responsáveis do Sector da Saúde.

 

Na Câmara de Alcanena fomos recebidos pelo vereador Artur Rodrigues, responsável pela área da saúde. Alertamos para a necessidade de os assuntos relacionados com a saúde serem tratados de uma forma integrada, respeitando sempre os direitos dos utentes. Houve mútuo esclarecimento a propósito da actual reforma dos centros de saúde e da nova organização das urgências hospitalares. Ficou acordado recolher mais elementos para em breve haver nova reunião.

publicado por usmt às 20:57
link do post | favorito
|

Nem dá para acreditar...

Esperar ou Pagar no Hospital de Bragança

"Quem precisar duma consulta de Oftalmologia na Unidade Hospitalar de Bragança (UHB) tem duas hipóteses: ou espera mais de um ano para ser atendido através do Serviço Nacional de Saúde (SNS), ou desembolsa 54 euros e consegue, em menos duma semana, uma consulta privada, mesmo sem ter que sair do interior do hospital.

Seja no sistema público ou privado, muito provavelmente será atendido pelo mesmo médico, neste caso o director clínico do Centro Hospitalar do Nordeste (CHNE), Sampaio da Veiga, que dá consultas particulares num consultório do hospital bragançano.
Para confirmar esta situação, o jornal NORDESTE tentou marcar uma consulta de Oftalmologia, sendo encaminhado, logo à partida, para as consultas particulares que o director clínico do CHNE efectua na UHB.
“E se quiséssemos optar por uma consulta do SNS?”, perguntámos. Neste caso fomos informados, pela funcionária de serviço, que apenas estão a ser marcadas as consultas prioritárias. Ou seja, as que se destinam a utentes diabéticos, com cataratas, crianças até aos 10 anos, problemas oculares relacionados com glaucoma (danos no nervo óptico que se não for tratado pode levar à perda gradual da vista) e estrabismo.
Mesmo assim, ao que foi possível apurar, um utente prioritário poderá ter que esperar mais de 7 meses para ser atendido".

Ver texto na integra em: Nordeste Regional

publicado por usmt às 20:23
link do post | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2007

REUNIÃO DE UTENTES DA SAÚDE

Sobre o acesso aos cuidados primários e a cuidados hospitalares no Médio Tejo

 

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo, reúne com todos os aderentes no dia 1 de Março de 2007 (quinta-feira), pelas 21 horas, na Casa Sindical de Torres Novas, Avenida 8 de Julho, Lote 4 r/c.

 

O objectivo desta reunião plenária é analisar as condições de acessibilidade a cuidados de saúde na região, face às reorganizações dos centros de saúde e dos serviços hospitalares.

 

Aos aderentes à Associação de Utentes da Saúde, da qual a actual Comissão se assumiu como Comissão Promotora, serão propostas acções que levem ao reforço da organização dos Utentes e também iniciativas públicas que contribuam para a sensibilização dos responsáveis para a necessidade de mais médicos nos Centros de Saúde e uma reorganização dos Serviços de Urgência, que respeitem as características sócio-demográficas da região e as valências técnicas de cada uma das unidades do Centro Hospitalar.

publicado por usmt às 18:59
link do post | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

Cominucado: MUSP

Serviços de Saúde estão cada vez piores, menos acessíveis e mais caros

  

"Quando o que se impunha e continua a impor-se para a área da Saúde era, e é, dotar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) das condições e meios humanos, técnicos e outros necessários à melhoria da qualidade dos cuidados de saúde, os sucessivos Governos têm antes optado por tomarem decisões políticas erradas que põem em causa não só o próprio funcionamento do Serviço Nacional de Saúde como também os direitos dos utentes e dos profissionais do sector.

A defesa do Serviço Nacional de Saúde universal, geral e gratuito constitui-se como um dos objectivos fundamentais da actividade do Movimento dos Utentes dos Serviços Públicos (MUSP).

Porque defendemos estes princípios somos contra as decisões tomadas pelos Governos para a área da saúde, decisões que põem em causa tais princípios  devido à criação das taxas moderadoras e dos seus sucessivos aumentos, á criação das novas taxas de internamento e tratamento hospitalar ambulatório, ao pagamento de cuidados de saúde que até há pouco tempo não eram pagos, à redução da comparticipação financeira do Governo nos medicamentos, ao encerramento de Hospitais, Maternidades, extensões dos Centros de Saúde, Serviços Urgência e Serviços de Atendimento Permanente.

Não satisfeito ainda com tais decisões e medidas aplicadas que mais não visam do que a total privatização dos Serviços de Saúde com os prejuízos que daí advêm para os utentes e profissionais do sector, prepara-se o Governo para com base num recente estudo feito à medida das suas pretensões pôr os utentes a pagar parte significativa do valor dos cuidados de saúde prestados.

Estas mesmas decisões políticas e os seus responsáveis são ainda causadoras para além do que referimos, de haver ao nível do país mais de um milhão de cidadãos sem médico de família e de cerca de 230 mil que esperam há muitos meses, alguns há mais de um ano, por uma intervenção cirúrgica (leia-se operação).

Porque o que está a ser posto em causa é o Serviço Nacional de Saúde tal como o defendemos e os utentes reclamam, o Movimento dos Utentes dos Serviços Públicos (MUSP) manifesta o seu total apoio e solidariedade às muitas e importantes acções e iniciativas que por todo o país as Comissões e Utentes têm realizado em defesa dos Serviços de Saúde contra as decisões do Governo, luta que é necessária ser continuada para defesa dos direitos dos utentes".

 Movimento dos Utentes dos Serviços Públicos (MUSP)

publicado por usmt às 23:13
link do post | favorito
|
Quarta-feira, 7 de Fevereiro de 2007

Conclusões: Reunião USMT de 01-02-2007

1. Continuar a prestar a máxima atenção à circulação de informação entre os membros da USMT e actualizar, conforme as possibilidades o BLOG.

2. A propósito da falta de médicos no Centro de Saúde de Torres Novas, foi dada a informação de que está marcada reunião para 14.02.2005, pelas 17 horas, com o Presidente da Câmara de Torres Novas. Os contactos com a Directora do Centro de Saúde e com o Coordenador da Sub-Região de Saúde de Santarém não foram feitos. É importante que tenham lugar nos próximos dias.
Atendendo à necessidade de dar respostas às populações, foi decidido contactar autarcas das freguesias sobre o andamento do processo.

3. Foram dadas informações sobre a reunião da Assembleia Municipal de Tomar (para tal procurar mais informação nos jornais regionais e divulgar), na sequência da qual foram desenvolvidas diligências para reuniões com o Grupo de Trabalho da Saúde da AM Tomar e com o Governador Civil de Santarém.

4. Da reunião com o Presidente da Câmara do Entroncamento resultou, para além da troca de informações sobre a prestação de cuidados de saúde, a necessidade de contactar o Coordenador Sub-Região de Santarém, para saber em que estado está o processo de ampliação do Centro de Saúde. Se as respostas não forem satisfatórias, avançar-se-á para a realização de um abaixo-assinado. Também foi comunicado o apoio da Câmara à realização, nos próximos meses de um debate sobre Cuidados Continuados de Saúde. Sobre este assunto, decidiu-se começar a desenhar o "esqueleto" da iniciativa.

5. Face ao adiamento das reuniões com as Direcções dos Centros de Saúde de Tomar e Entroncamento, foi decidido enviar novas cartas a perguntar para quando ã sua concretização.

6. Da reunião da Comissão do MUSP (
ver texto), resultou a elaboração de um comunicado, que será reproduzido e distribuído em pequena escala, e será enviado para toda a comunicação social local.

7. Foi decidido contactar o Luis Antunes para combinar uma acção de recolha de aderentes, em Tomar.

8. Nova reunião a 15 de Fevereiro, 18,30. Mas antes vai ser preciso muito trabalho. As decisões (más) governamentais não nos dão descanso!

publicado por usmt às 22:25
link do post | favorito
|

Urgências Centralizada em Abrantes

A proposta final apresentada ontem pela Comissão Técnica de Apoio ao Processo de Requalificação das Urgências confirma o que já se esperava. Na nossa região Abrantes e Santarém ficam dotadas de Serviços de Urgência Médico-Cirúrgica (SUMC) enquanto que para os hospitais de Tomar e Torres Novas propõe-se um serviço de Urgência básica.

O relatório refere a "crescente concentração de valências de urgência num pólo" do Centro Hospitalar do Médio Tejo, ou seja em Abrantes. 

 

Esta "revolução" nos Serviços de Urgência a nível nacional deverá ser aprovada pelo ministro da Saúde, Correia de Campos, dentro de dias.

 

Fonte do gabinete do ministro da Saúde afirmou ao Correio da Manhã que a decisão do governante "pode aceitar ou não as propostas que constam no relatório final da comissão".


Um trabalho da Universidade de Coimbra e do Instituto Politécnico de Tomar – que avaliou os acessos às Urgências a partir de todos os pontos do País, tendo em conta o estado das estradas, circulando a uma velocidade de 60 quilómetros/hora – constatou que 60 mil indivíduos estão a mais de uma hora de distância de uma Urgência.

O relatório final sobre a Rede das Urgências pode ser lida AQUI.

 

O assunto é notícia em vários jornais:

 

Comissão apresenta estudo

Revolução nas urgências

Falta de médicos ameaça a nova rede de urgências

 

O que é proposto

Nova rede de urgências confia nos transportes

 

Informação restirada do Site: http://www.otemplario.pt

publicado por usmt às 22:12
link do post | favorito
|

.USMT:Quer nos Conhecer?

  • O que somos
  • Oque fazemos
  • O que defendemos
  • .Vamos criar a Associação de Defesa dos Utentes da Saúde

  • Saber Mais
  • .Leia, Subscreva e Divulgue a Petição ao Senhor Ministro da Saúde Sobre as Novas Taxas Moderadoras Para Internamentos e Cirurgias

  • Petição Movimento de Utentes da Saúde
  • .USMT Mail:

    usaudemt@hotmail.com

    .Abaixo-Assinado

  • Queremos Médicos na Meia Via, Ribeira e Pedrógão
  • .pesquisar

     

    .Jornais Regionais On-Line

  • O Templário
  • Cidade de Tomar
  • O Mirante
  • O Ribatejo
  • Torrejano
  • Almonda
  • O Riachense
  • Entroncamento On-Line
  • Notícias de Fátima
  • .Organizações & Comições

  • MUSS
  • Movimento Utentes Saúde
  • OMS
  • .Posts Recentes

    . CUSMT: balanço reunião co...

    . MÉDIO TEJO: Melhorar as u...

    . Com o calor todos os cuid...

    . Hospital privado é acusad...

    . Concretizar a colocação d...

    . Opinião

    . 27 de Julho, reunião da C...

    . MÉDIO TEJO: Secretariado ...

    . MÉDIO TEJO: balanço da re...

    . MÉDIO TEJO: preparar reun...

    .Arquivos

    . Agosto 2017

    . Julho 2017

    . Junho 2017

    . Maio 2017

    . Abril 2017

    . Março 2017

    . Fevereiro 2017

    . Janeiro 2017

    . Dezembro 2016

    . Novembro 2016

    . Outubro 2016

    . Setembro 2016

    . Agosto 2016

    . Julho 2016

    . Junho 2016

    . Maio 2016

    . Abril 2016

    . Março 2016

    . Fevereiro 2016

    . Janeiro 2016

    . Dezembro 2015

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    . Junho 2015

    . Maio 2015

    . Abril 2015

    . Março 2015

    . Fevereiro 2015

    . Janeiro 2015

    . Dezembro 2014

    . Novembro 2014

    . Outubro 2014

    . Setembro 2014

    . Agosto 2014

    . Julho 2014

    . Junho 2014

    . Maio 2014

    . Abril 2014

    . Março 2014

    . Fevereiro 2014

    . Janeiro 2014

    . Dezembro 2013

    . Novembro 2013

    . Outubro 2013

    . Setembro 2013

    . Agosto 2013

    . Julho 2013

    . Junho 2013

    . Maio 2013

    . Abril 2013

    . Março 2013

    . Fevereiro 2013

    . Janeiro 2013

    . Dezembro 2012

    . Novembro 2012

    . Outubro 2012

    . Setembro 2012

    . Agosto 2012

    . Julho 2012

    . Junho 2012

    . Maio 2012

    . Abril 2012

    . Março 2012

    . Fevereiro 2012

    . Janeiro 2012

    . Dezembro 2011

    . Novembro 2011

    . Outubro 2011

    . Setembro 2011

    . Agosto 2011

    . Julho 2011

    . Junho 2011

    . Maio 2011

    . Abril 2011

    . Março 2011

    . Fevereiro 2011

    . Janeiro 2011

    . Dezembro 2010

    . Novembro 2010

    . Outubro 2010

    . Setembro 2010

    . Agosto 2010

    . Julho 2010

    . Junho 2010

    . Maio 2010

    . Abril 2010

    . Março 2010

    . Fevereiro 2010

    . Janeiro 2010

    . Dezembro 2009

    . Novembro 2009

    . Outubro 2009

    . Setembro 2009

    . Agosto 2009

    . Julho 2009

    . Junho 2009

    . Abril 2009

    . Fevereiro 2009

    . Janeiro 2009

    . Dezembro 2008

    . Novembro 2008

    . Outubro 2008

    . Setembro 2008

    . Agosto 2008

    . Julho 2008

    . Junho 2008

    . Maio 2008

    . Abril 2008

    . Março 2008

    . Fevereiro 2008

    . Janeiro 2008

    . Dezembro 2007

    . Outubro 2007

    . Setembro 2007

    . Agosto 2007

    . Julho 2007

    . Maio 2007

    . Abril 2007

    . Março 2007

    . Fevereiro 2007

    . Janeiro 2007

    . Dezembro 2006

    . Novembro 2006

    . Outubro 2006

    blogs SAPO

    .subscrever feeds