Sábado, 30 de Abril de 2011

Até às eleições: só vamos ter boas notícias? (4)

   

Grândola: Ministra da Saúde garante mais médicos em Maio

 
A ministra da Saúde, Ana Jorge, garantiu que a equipa médica do Centro de Saúde de Grândola vai ser reforçada em Maio. Em Janeiro, o funcionamento irregular do Centro de Saúde, que deveria funcionar até às 00:00, levou a que utentes e autarcas reivindicassem a resolução da situação. Ana Jorge recusou contudo a hipótese de reabrir o Serviço de Atendimento Permanente (SAP) 24 horas por dia, reivindicado pela Comissão de Utentes de Grândola.



publicado por usmt às 16:44
link do post | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Abril de 2011

Qual o segredo?

 

TOMAR - Mais 2300 utentes com médico de família

A confirmação chegou à Rádio Hertz por António Gomes Branco, Coordenador da Unidade de Saúde Familiar de Santa Maria: nas próximas semanas, há a possibilidade deste espaço em inscrever cerca de 2300 novos utentes. Ou seja, se as propostas feitas à administração forem aceites, poderá, a curto prazo, ser esvaziada a lista de espera para médico de família na cidade de Tomar. Mais informações podem ser obtidas na recepção da Unidade. (Era importante saber quais as propostas, pois poderão ser exemplo para outras unidades de saúde!)

 

publicado por usmt às 13:49
link do post | favorito
|

Agradecimento

 

 

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo e o movimento de utentes do Distrito de Santarém agradecem publicamente a todas as entidades autárquicas e sindicais que apoiaram a realização das concentrações de 16 de Abril, para exigir (entre outras reivindicações) a colocação de mais médicos e enfermeiros nas unidades de saúde do Distrito.

 

Também, uma palavra de apreço para a Comunicação Social e os seus profissionais que, de forma massiva e exemplar, contribuiram para a divulgação dos problemas e propostas dos utentes do Distrito.

publicado por usmt às 11:51
link do post | favorito
|
Terça-feira, 26 de Abril de 2011

HOJE, Dia Nacional do Utente da Saúde

publicado por usmt às 22:28
link do post | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Abril de 2011

A liberdade (e vontade) de lutar pelo acesso a cuidados de saúde!

 

publicado por usmt às 09:14
link do post | favorito
|
Domingo, 24 de Abril de 2011

Então e os doentes que fazem fila nos centros de saúde também contam para a lista de utentes fantasma?

Por exemplo, na passada quinta-feira, frente ao Centro de Saúde de Torres Novas, às seis da manhã já eram mais de uma dezena. Às oito quase meia centana de utentes, a maior parte deles das zonas rurais que têm poucos médicos e/ou onde pura e simplesmente foram encerradas as unidades de saúde.

Oh, Sr. Secretário de Estado! Este Governo tem mesmo um problema com estatísticas. Então, precisamente no dia em que o INE vem corrigir o défice (para cima) vem o senhor propôr uma "recontagem" dos utentes da saúde (na esperança que não contem os fantasmas)?!?! Parece haver fantasia a mais e falta de bom senso e energia para resolver os problemas concretos das populações!

 

Foto ilustrativa
.........................
Reinscrição

SNS tem 900 mil utentes fantasmas que vão ser apagados

24.4.2011 (DN)

 

 

Secretário de Estado Manuel Pizarro acredita que a limpeza podia resolver problema da falta de médicos de família.

 

 

Todos os cidadãos podem ter de se reinscrever como utentes no Serviço Nacional de Saúde (SNS). Para o secretário de Estado adjunto e da Saúde, Manuel Pizarro, "a limpeza das bases de dados e das duplicações de utentes exige uma medida estrutural mais profunda, que é a de promover a reinscrição", refere em entrevista ao DN. A limpeza, que irá permitir eliminar 800 a 900 mil utentes fantasma, irá garantir que mais portugueses tenham médico de família.

 

publicado por usmt às 10:42
link do post | favorito
|

Riachos: imprensa local realça a falta de médicos

 

publicado por usmt às 10:40
link do post | favorito
|
Sexta-feira, 22 de Abril de 2011

Mais uma "maldade" da Ministra da Saúde: cortar isenções no pagamento das Taxas Moderadoras

Aos poucos, o preceito constitucional que diz que a prestação de cuidados de saúde devem ser "... tendencialmente gratuitos...", com este Governo e esta Ministra, têm passado a "... tendencialmente pagos...". Depois dos aumentos das taxas, da criação de novas e do corte nas isenções (a juntar à perda de prestações sociais, aos aumentos de bens de primeira necessidade, ao corte na comparticipação dos medicamentos) aparecem agora argumentos esfarrapados para cortar nas isenções e, provavelmente, novos aumentos. Ao mesmo tempo fazem profissões de fé em defesa dos "que realmente precisam" e do SNS. Decisivamente esta Ministra apenas aparenta ser boa, porque é muito vagarosa a fazer as maldades.

 

 

 

21 Abril, 2011 - 09:57
Ana Jorge pondera rever isenções das taxas moderadoras

A ministra da Saúde, Ana Jorge, afirmou, em declarações à Lusa, que pondera fazer uma revisão da isenção das taxas moderadoras para pessoas que tenham "pensões baixas", mas que possuam recursos financeiros mais altos.

Ana Jorge disse que algumas isenções das taxas moderadoras necessitam de ser revistas e deu o exemplo das pessoas isentas do pagamento destas taxas que têm baixas pensões, mas possuem "recursos financeiros mais elevados".
 
"A isenção de uma taxa moderadora para consultas e para meios complementares de diagnóstico terá que ser feita em função daquilo que é a real necessidade das pessoas que não têm capacidade de o pagar", sublinhou a ministra da Saúde.

 

 

Movimento de Utentes considera revisão da isenção de algumas taxas uma forma de "combater défice"

Lisboa, 21 abr (Lusa) - O Movimento de Utentes dos Serviços Públicos considerou hoje que a intenção da ministra da Saúde de rever as isenções nas taxas moderadoras tem como objetivo "ir buscar dinheiro para fazer face ao défice e à dívida pública".

"Com certeza que tem como objetivo único ir buscar dinheiro para fazer face ao défice e à dívida pública. Nós consideramos que primeiro estão as pessoas e depois há que pensar em medidas que não estas para combater défice, mas nunca à custa do que é a saúde dos portugueses" disse à agência Lusa, Carlos Braga, do Movimento de Utentes dos Serviços Públicos (MUSP), salientando que "a saúde não pode ser um negócio, tem de ser um direito de todos".

A ministra da Saúde, Ana Jorge, defendeu em entrevista à Lusa a necessidade de rever as isenções por razões sociais e financeiras de algumas taxas moderadoras, para haver mais rigor na atribuição deste benefício consoante as necessidades reais do utente.

publicado por usmt às 15:45
link do post | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Abril de 2011

Até às eleições: só vamos ter boas notícias? (3)

Nota da CUSMT:

 

Dependendo da regulamentação e de quais os hospitais, uma boa medida (para utentes e SNS) não passa de mais uma medida pró-voto.

 

 

Diário da República

Dispensa gratuita de medicamentos após alta avança

por Lusa<input ... >Hoje<input ... >

A dispensa gratuita de medicamentos após alta de internamento pelos serviços farmacêuticos dos hospitais que integram o Serviço Nacional de Saúde (SNS) vai avançar em dez hospitais, segundo um diploma publicado hoje, quinta-feira, em Diário da República.

"A implementação do regime de dispensa gratuita de medicamentos após alta de internamento inicia-se em 10 hospitais a definir pelo Ministério com a tutela da área da saúde", refere a legislação

O regime hoje publicado abrange os remédios prescritos no momento da alta, relacionados com o tratamento da doença que motivou o internamento.

"A quantidade de medicamentos dispensados deve ser suficiente para os primeiros três dias após a alta, incluindo o dia da alta, excetuando os antibióticos que devem ser dispensados em quantidade suficiente à duração da antibioterapia", precisa o diploma.

A dispensa de medicamentos não se aplica nos casos em que ocorra transferência para outro estabelecimento de saúde ou unidade de internamento, incluída ou não na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados.

A dispensa dos medicamentos é "feita sem encargos para os utentes", sendo da "responsabilidade administração regional de saúde competente, salvo se a responsabilidade pelo encargo couber legal ou contratualmente a qualquer subsistema de saúde, empresa seguradora ou outra entidade pública ou privada", adianta o diploma.

Para a aplicação deste regime, é atribuído a cada hospital que integra o SNS um incentivo institucional da responsabilidade da administração regional de saúde que é objeto de contratualização com cada hospital que integra o Serviço Nacional de Saúde

O Governo tem um prazo máximo de 90 dias para regulamentar o regime de dispensa gratuita de medicamentos após alta de internamento, pelos serviços farmacêuticos dos hospitais que integram o SNS.

publicado por usmt às 20:05
link do post | favorito
|

Olhó pirilampo

(in Mirante)

 

Foi visível a dificuldade que esta carrinha de transporte de doentes dos bombeiros da Chamusca teve em atravessar a ponte de Praia do Ribatejo, no dia em que a travessia sobre o Tejo reabriu ao trânsito. Por mais caricato que pareça, os bombeiros tiveram que retirar os “pirilampos” de emergência para passar pela estrutura que foi colocada numa das entradas. E a chave que foi dada aos veículos de emergência para levantarem este pórtico também dá que pensar. Já estamos a imaginar o operador da ambulância a dizer para a vítima que transporta: “Espere aí, não morra já que eu primeiro tenho que levantar esta barra”,

publicado por usmt às 20:03
link do post | favorito
|

.USMT:Quer nos Conhecer?

  • O que somos
  • Oque fazemos
  • O que defendemos
  • .Vamos criar a Associação de Defesa dos Utentes da Saúde

  • Saber Mais
  • .Leia, Subscreva e Divulgue a Petição ao Senhor Ministro da Saúde Sobre as Novas Taxas Moderadoras Para Internamentos e Cirurgias

  • Petição Movimento de Utentes da Saúde
  • .USMT Mail:

    usaudemt@hotmail.com

    .Abaixo-Assinado

  • Queremos Médicos na Meia Via, Ribeira e Pedrógão
  • .pesquisar

     

    .Jornais Regionais On-Line

  • O Templário
  • Cidade de Tomar
  • O Mirante
  • O Ribatejo
  • Torrejano
  • Almonda
  • O Riachense
  • Entroncamento On-Line
  • Notícias de Fátima
  • .Organizações & Comições

  • MUSS
  • Movimento Utentes Saúde
  • OMS
  • .Posts Recentes

    . CUSMT: balanço reunião co...

    . MÉDIO TEJO: Melhorar as u...

    . Com o calor todos os cuid...

    . Hospital privado é acusad...

    . Concretizar a colocação d...

    . Opinião

    . 27 de Julho, reunião da C...

    . MÉDIO TEJO: Secretariado ...

    . MÉDIO TEJO: balanço da re...

    . MÉDIO TEJO: preparar reun...

    .Arquivos

    . Agosto 2017

    . Julho 2017

    . Junho 2017

    . Maio 2017

    . Abril 2017

    . Março 2017

    . Fevereiro 2017

    . Janeiro 2017

    . Dezembro 2016

    . Novembro 2016

    . Outubro 2016

    . Setembro 2016

    . Agosto 2016

    . Julho 2016

    . Junho 2016

    . Maio 2016

    . Abril 2016

    . Março 2016

    . Fevereiro 2016

    . Janeiro 2016

    . Dezembro 2015

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    . Junho 2015

    . Maio 2015

    . Abril 2015

    . Março 2015

    . Fevereiro 2015

    . Janeiro 2015

    . Dezembro 2014

    . Novembro 2014

    . Outubro 2014

    . Setembro 2014

    . Agosto 2014

    . Julho 2014

    . Junho 2014

    . Maio 2014

    . Abril 2014

    . Março 2014

    . Fevereiro 2014

    . Janeiro 2014

    . Dezembro 2013

    . Novembro 2013

    . Outubro 2013

    . Setembro 2013

    . Agosto 2013

    . Julho 2013

    . Junho 2013

    . Maio 2013

    . Abril 2013

    . Março 2013

    . Fevereiro 2013

    . Janeiro 2013

    . Dezembro 2012

    . Novembro 2012

    . Outubro 2012

    . Setembro 2012

    . Agosto 2012

    . Julho 2012

    . Junho 2012

    . Maio 2012

    . Abril 2012

    . Março 2012

    . Fevereiro 2012

    . Janeiro 2012

    . Dezembro 2011

    . Novembro 2011

    . Outubro 2011

    . Setembro 2011

    . Agosto 2011

    . Julho 2011

    . Junho 2011

    . Maio 2011

    . Abril 2011

    . Março 2011

    . Fevereiro 2011

    . Janeiro 2011

    . Dezembro 2010

    . Novembro 2010

    . Outubro 2010

    . Setembro 2010

    . Agosto 2010

    . Julho 2010

    . Junho 2010

    . Maio 2010

    . Abril 2010

    . Março 2010

    . Fevereiro 2010

    . Janeiro 2010

    . Dezembro 2009

    . Novembro 2009

    . Outubro 2009

    . Setembro 2009

    . Agosto 2009

    . Julho 2009

    . Junho 2009

    . Abril 2009

    . Fevereiro 2009

    . Janeiro 2009

    . Dezembro 2008

    . Novembro 2008

    . Outubro 2008

    . Setembro 2008

    . Agosto 2008

    . Julho 2008

    . Junho 2008

    . Maio 2008

    . Abril 2008

    . Março 2008

    . Fevereiro 2008

    . Janeiro 2008

    . Dezembro 2007

    . Outubro 2007

    . Setembro 2007

    . Agosto 2007

    . Julho 2007

    . Maio 2007

    . Abril 2007

    . Março 2007

    . Fevereiro 2007

    . Janeiro 2007

    . Dezembro 2006

    . Novembro 2006

    . Outubro 2006

    blogs SAPO

    .subscrever feeds